Duas geladeiras tornaram-se bibliotecas livres em Santa Maria/RS

18.8.14

Através do Facebook do Julio Souto que faz parte da Editora Maria Papelão de Santa Maria, e que nos apresentou ao mundo dos livros cartoneros - conhecemos ele pessoalmente em Porto Alegre, relembre nesse post - nós conhecemos o projeto Trajeto Cultural Sebo Café que customizou duas geladeiras, grafitaram e as transformaram em geladeirotecas para trocas e empréstimos de livros livres. Ele publicou a seguinte mensagem no Facebook:

"Aqui em Santa Maria uma gurizada da UNIFRA com o Sebo Café fez a proposta das Geladeiras-Bibliotecas (Trajeto Cultural Sebo Café), fizeram umas bibliotecas livres muito legais, reaproveitando GELADEIRAS!! A ideia foi ótima. Infelizmente, uma das primeiras já foi meio que destruída e saqueada... mas tudo bem, ainda da pra teimar. Antes de sair dizendo coisas tipo "povo burro não merece etcétera etcétera...", lembrar que as bibliotecas não são só depósitos de objetos, ao igual que os livros não são só objetos. O importante é as relações humanas que esses depósitos e objetos possibilitam. A geladeira destruída só demonstra que ainda há muito trabalho pendente para construir as relações que os livros fazem possíveis. Um objeto sem pessoas é um objeto, e nada mais.
Geladeiroteca na UFSM

O projeto Trajeto Cultural tem por objetivo incentivar a leitura e a troca de livros, utilizando algumas paradas de ônibus da cidade de Santa Maria, no Rio Grande do Sul.

O projeto é uma realização do Sebo Café e dos acadêmicos do curso de Publicidade e Propaganda do Centro Universitário Franciscano. Ele tem o apoio da Prefeitura Municipal de Santa Maria e Universidade Federal de Santa Maria.


Este é o pessoal responsável pela arte das duas geladeirotecas.
Geladeiroteca na Av. Rio Branco em frente à Catedral de Santa Maria.

As geladeirotecas começaram a funcionar no dia 11/08/2014 e hoje infelizmente uma delas sofreu vandalismo. Na página os coordenadores do projeto se manifestaram através da seguinte mensagem:

Foto do Diário de Santa Maria, acesse a matéria publicada no site do jornal
"Hoje o Trajeto Cultural Sebo Café foi notícia mais uma vez, porém por um motivo triste. A geladeiroteca do centro amanheceu vítima de um ato de vandalismo. Nós não sabemos quais os motivos que levou a pessoa a fazer isso, mas ainda acreditamos que Santa Maria é capaz de receber e dar continuidade a projetos desta natureza. Ficamos muito tristes. No entanto não desanimamos. Agora é hora de analisar os danos e ver o que poderá ser feito para dar continuidade ao projeto. Quem praticou tal ação, ainda que não seja descoberto, necessita repensar seus atos e acreditamos que a educação é a única maneira de mudar o pensamento de pessoas com este tipo de atitude".
Nós aqui do blog Bibliotecas do Brasil desejamos profundamente que o o pessoal do Trajeto Cultural Sebo Café não desanime e siga em frente com o projeto das geladeirotecas. Vamos acompanhar as próximas atividades e divulgar sempre. Convidamos os nossos leitores para curtir a página do projeto e nos ajudar a fortalecê-los nesse momento de adversidade. Quando acontece um ato como esse é que devemos nos esforçar cada vez mais e lutar para facilitar o acesso das pessoas aos livros, à leitura e ao aprofundamento de saberes.
Interessou-se pelo projeto? Então colabore com o Trajeto Cultural Sebo Café doando livros ou participando ativamente na recuperação da geladeiroteca. Entre em contato pelo email: trajetocultural@gmail.com ou acompanhe as atividades do grupo pela página no Facebook: https://www.facebook.com/TrajetoCultural

As informações dessa postagem coletamos através do Facebook do Trajeto Cultural Café e do Julio Souto.
Daniele Carneiro - Bibliotecas do Brasil
contato@bibliotecasdobrasil.com
Fotos: Trajeto Cultural Sebo Café e Diário de Santa Maria

Leia mais: 

VocÊ pode gostar também

1 comentários

  1. Que pena! A ideia da geladeira que guarda livros é muito original, utilizando a máxima de que "Nada se Perde Tudo se transformar", e aqui ela tem uma boa causa.Tomara que o público saiba preservar, aproveitar e apoiar essa iniciativa.

    ResponderExcluir

Subscribe