Pratique a doação consciente

21.5.13


Convidamos nossa amiga e colaboradora do blog Bibliotecas do Brasil, Leticia Fontoura para falar sobre solidariedade e doação consciente. 
"A doação como prática de fraternidade e caridade é algo muito lindo de se ver. A doação como meio de transmitir cuidado e amor ao outro mais necessitado é essencial para nossa saúde emocional, pois nos traz satisfação e ternura, além de ajudar na evolução da sociedade. 
Em meu projeto social estamos sempre em campanha para recebermos doações, seja de livros, de alimentos, de roupas e qualquer utensílio útil para o bem viver de um ser humano. Entretanto, o que ocorre muitas e muitas vezes é que, as pessoas que doam, na verdade não possuem a noção da importância de seu ato, fazem de maneira a sentirem-se bem perante a sociedade e perante suas próprias consciências.
Em meio às doações, já encontrei roupas íntimas sujas, blusas amareladas, louça quebrada e sem utilidade, livros em decomposição, meias sujas e sem pares, e toda a sorte de lixo que os doadores não querem que fique ocupando espaço em seus guarda-roupas e armários. Até pano de chão sujo já recebi. Têm sacolas que quando abro-as quase desmaio do fedor insuportável.
Pois é, será que estas pessoas realmente julgam-se caridosas, fraternas e acham que estão, com a doação de todo este lixo, participando ativamente de nossos projetos? Será que elas pensam que estão ajudando o mundo a ser melhor? Ou estão apenas ajudando suas casas a ficarem mais limpas, desfazendo-se de tralhas que lhes estão incomodando"?

"Concluo que para alguns seres pouco racionais, os projetos sociais, educativos e culturais são meios de descarte de lixo, depósitos para seus hábitos pouco higiênicos e organizados, para sua preguiça física e mental".

Letícia Tafra Fontoura é criadora da página Leitura no Varal. Ronda da Fraternidade, coordenadora do G-MÃO - Grupo de Mãos em Ação e colaboradora do blog Bibliotecas do Brasil.









Leia também:


VocÊ pode gostar também

1 comentários

  1. Sem comentários para a parte "ruim", de algumas pessoas. Parabéns pelo projeto, e continue sua batalha na distribuição de conhecimento e cultura a todos que estiverem ao seu alcance!!!

    ResponderExcluir

Subscribe