A praia é o lugar perfeito para livros livres!

17.12.14


Continuamos a ação voluntária de incentivo à leitura e distribuição de livros livres do blog Bibliotecas do Brasil na cidade de Guaratuba, no litoral do Paraná - Livros Livres em Guaratuba. Esse é o segundo ano consecutivo que nos meses de novembro e dezembro deixamos livros livres em locais públicos da cidade. Graciliano Ramos, Lima Barreto, Walcyr Carrasco e João Almino foram os autores que deixamos pela beira-mar da Praia Central.


Esses são alguns dos livros que já deixamos ou ainda vamos deixar ao longo do mês de dezembro pelos bancos e praças da cidade de Guaratuba. Alguns nos foram doados, outros são nossos que já foram lidos e os infantis são das coleções "Leia Para Uma Criança" do Itaú.


Quando nós aqui do blog Bibliotecas do Brasil deixamos um livro livre em uma praça, em um banco, na mesa de uma padaria, no muro de uma casa, em uma esquina ou numa árvore, a única coisa que nós pensamos é na reação da pessoa que vai encontrar aquele livro. Pensamos se ela vai se interessar, se já é leitora, se nunca pegou um livro na mão, se era leitora e deixou de ser por falta de tempo, se tem o costume de estar entre os livros ou se aquele objeto é uma completa novidade em sua vida. Quando nós deixamos um livro livre, estamos tentando proporcionar um momento alegre na vida de alguém completamente estranho que talvez a gente nunca venha a conhecer. Já tem hostilidade demais na vida das pessoas e muitos encarregados fiéis em levar as hostilidades cotidianas adiante. E nós só queremos proporcionar um alívio através do livro aparentemente perdido que foi propositalmente deixado para ser encontrado.


Nós olhamos em volta e percebemos as pessoas que podem pegar aquele livro: crianças brincando na areia, mulheres caminhando, alguns solitários moradores de rua, gente parada olhando o mar ou conversando no celular. Já que nós não temos uma biblioteca fixa para trazê-los para dentro, nós levamos os nossos livros e os livros que nos foram doados ao longo do ano e deixamos ali, ao acaso. Quem sabe o que será a seguir? E se alguém simplesmente se apaixonar por aquele livro, como é o amor à primeira vista? Queremos tentar. Nós gostamos de deixar livros livres e nos divertimos fazendo isso. Quando deixamos um livro livre nós só queremos proporcionar um alívio na vida de alguém.


Deixamos os livros livres com o desejo de que ele proporcione uma boa leitura, entretenimento e a surpresa de ser encontrado com esses simples propósitos: ser lido e compartilhado.


Graciliano Ramos espera os banhistas enquanto toma um solzinho no banco.


Essa ação voluntária de incentivo à leitura e distribuição de livros livres em Guaratuba pelo blog Bibliotecas do Brasil é independente. Fazemos isso por iniciativa própria simplesmente pelo prazer de partilhar livros.


Leia, Empreste ou Devolva

Todos os livros receberam o carimbo com a arte da iniciativa Leia, Empreste ou Devolva do blog Bibliotecas do Brasil, que disponibilizamos para download gratuito a qualquer pessoa que queira fazer sua própria ação de livros livres ou montar uma biblioteca. Conheça nossa área de downloads.


Moradores, veranistas e turistas também poderão deixar livros livres pela praia

Os moradores, os veranistas que têm casas na cidade e turistas também podem participar da ação. A participação é simples, basta que a pessoa escolha livros que tenha em casa que estejam esquecidos nas suas estantes, prateleiras e gavetas, aqueles que não serão mais lidos. Leve o livro a algum lugar de sua preferência, ou onde você acha que seria legal outra pessoa encontrá-lo e deixe-o por lá. Pode ser em uma padaria, em uma sorveteria, em um barzinho, na recepção de algum hotel ou pousada, nos bancos ao longo da beira-mar, nas pracinhas e restaurantes, ou onde você achar melhor. Dessa forma outra pessoa poderá encontrar o livro, para ler, emprestar e passar adiante.

Para quem quiser participar da ação - Faça essa ação de livros livros na sua cidade:

  • Escolha livros que tenha em casa e que estejam esquecidos nas suas estantes, prateleiras e gavetas, aqueles que não serão mais lidos;
  • Escolha um local público de sua preferência ou onde você acha que seria legal uma pessoa encontrá-lo;
  • Deixe o livro ali;
  • Em dia de chuva escolha locais protegidos como mesas e cadeiras de restaurantes, lanchonetes, sorveterias, áreas de convivência em pousadas e hotéis;
  • Sugestões de lugares públicos para deixar seus livros: padarias, sorveterias, barzinhos, na recepção de algum hotel ou pousada, nos bancos ao longo da beira-mar, nas pracinhas e restaurantes, ou onde você achar melhor. Dessa forma outra pessoa poderá encontrar o livro para ler, emprestar e passar adiante. 


Temos mais livros para deixar livres por Guaratuba na próxima quinzena. Se estiver pelo litoral fique atenta(o) quando sair para caminhar, correr, andar de bicicleta, de roller ou de skate, você poderá encontrar um livro livre no seu caminho. Leia os artigos:


Texto: Daniele Carneiro - Bibliotecas do Brasil
Fotos: Daniele Carneiro e Juliano Rocha
contato@bibliotecasdobrasil.com

VocÊ pode gostar também

0 comentários

Subscribe