Para onde vão seus livros depois de doados?

15.2.13


Dicas para buscar informações sobre campanhas de arrecadação de livros, antes de doá-los sem conhecer exatamente seu destino. Tenha certeza de que sua contribuição será útil para muitos.


Atualmente vemos centenas de campanhas de arrecadação de livros circulando diariamente pelas redes sociais. Mas você sabe para onde seguem os seus livros depois de doados?
Para responder essa pergunta, e antes de sair fazendo uma seleção na sua estante, procure informar-se sobre a instituição que está fazendo a arrecadação dos livros e para onde ou para quem exatamente ela pretende doá-los.
Quando for doar livros é interessante que você saiba para onde está doando, para que eles não caiam em arrecadações de má fé. Temos visto umas arrecadações que deixam muito vaga a informação de quem será beneficiado com os livros. É legal doar, mas é importante saber para quem eles serão doados.
É fundamental que a instituição, biblioteca ou ONG que conduza a arrecadação de livros divulgue informações específicas sobre quem serão as famílias, estudantes, escolas ou comunidades que receberão as doações, ou de que lugares são os leitores, em quais comunidades vivem (se são de comunidades rurais, de escolas públicas, se são de comunidades carentes, se são de comunidades litorâneas, qual a faixa etária, o nível de alfabetização) e assim por diante. Quanto mais informações você tiver, melhor.
A pessoa que doa livros precisa estar informada sobre o local e sobre os leitores que receberão seus exemplares, precisa estar segura de que doará para um local confiável onde os futuros leitores farão um bom proveito deles, e assim evitar arrependimentos. É fundamental que informações como essas não sejam vagas em uma arrecadação de livros.
Já vimos acontecer situações onde um grupo de pessoas teve uma ideia excelente para a montagem de uma biblioteca comunitária, fez a arrecadação dos livros, conseguiu um excelente acervo, e depois desapareceu, inclusive abandonando a página onde divulgavam informações no Facebook. Não se sabe se a biblioteca foi realmente montada, se o projeto teve continuidade, os coordenadores simplesmente desapareceram, e a foto das crianças que deveriam receber os livros doados padece num limbo virtual. Tenha em mente que quem está doando tem todo o direito de saber para onde seus livros seguiram viagem, e principalmente se estão sendo bem aproveitados.

Como saber para quem doar:


Use a Internet a seu favor: Ficou sabendo de uma arrecadação de livros, interessou-se em doar alguns exemplares da sua coleção, mas não sabe se a arrecadação é idônea? Use a Internet. Procure no Google o nome do local que está fazendo a arrecadação e leia sobre ele. Pesquise no Facebook, no Twitter e nas redes sociais que você faz uso. Pergunte aos seus seguidores, use seu mural para obter informações. Envie mensagens. Sempre tem alguém disposto a responder, ou que já esteja sabendo da campanha de arrecadação. Se não obtiver respostas, desconfie.


PergunteRedes de farmácias, shoppings centers e supermercados costumam fazer grandes arrecadações de livros. Antes de depositar seus livros na caixa de arrecadação, procure saber para onde eles pretendem doar. Essa informação deve estar contida no poster ou banner da arrecadação. Procure o site da empresa, a administração do shopping, a(o) gerente da farmácia ou o balconista. Eles saberão lhe informar, ou conhecem alguém que saiba. A maioria dos shoppings já têm perfis no Facebook. Envie mensagens, comente nos murais sobre a arrecadação, diga que você gostaria de ter maiores informações. Se for o caso, telefone para o local e confirme a informação. Converse com outras pessoas através do Facebook, do Twitter e de outras redes sociais. Sempre tem alguém que sabe algo mais.

Leia blogs de livros: Bibliotecas comunitárias costumam ter blogs informativos, que mostram suas movimentações ao longo do ano, os seus leitores, e todas as atividades realizadas com os livros conquistados através de arrecadação. Os blogs de bibliotecas comunitárias costumam contar detalhadamente, com muitas fotos todos os passos da arrecadação de livros e as entregas aos seus leitores. Blogs especializados em livros como o Livros e Afins costumam ter uma quantidade enorme de artigos sobre assuntos referentes à bibliotecas públicas, bibliotecas comunitárias, bibliotecas escolares, doação e arrecadação de livros. Torne o campo de busca do Google e desses blogs o seu melhor amigo.

Doação consciente de livros: “Pense globalmente e aja localmente.”
Quer contribuir para o incentivo à leitura em sua cidade, e não há nada desse tipo em muitos quilômetros de distância? Pesquise se no seu bairro existe alguma biblioteca pública, comunitária ou escolar. Os moradores têm acesso facilitado à leitura? O que eles pensam de ter uma biblioteca no bairro? Nas vilas ou regiões mais próximas do seu bairro, existe alguma associação de moradores interessada em montar uma biblioteca comunitária? Pesquise na Internet, converse com o pessoal das escolas mais próximas, funcionários de bibliotecas e bibliotecários costumam ter informações valiosas nesse sentido. Após encontrar um local bacana para doar livros, ou para movimentar uma arrecadação, você pode iniciá-la usando os recursos que já conhece do uso diário da Internet: redes sociais e email, para comunicar amigos, colegas e parentes sobre a sua iniciativa. Se não for o caso de montar uma biblioteca comunitária, outras atividades relacionadas à leitura podem ser providenciadas como: rodas de leitura, contações de história, leitura para pessoas da 3ª idade, clube da leitura, encontro com escritores, exposições, etc.

Sugestão de lugares para doar livros: Procure em sua cidade por locais que recebam doações de livros. Ofereça seus livros, ou a intenção de realizar uma arrecadação em parceria, mas primeiramente informe-se se esses lugares têm projetos de incentivo à leitura, ou interesse em realizar um. Procure saber quais as condições da biblioteca desses locais e o perfil dos livros que elas aceitam em seu acervo.
Bibliotecas comunitárias, bibliotecas escolares, bibliotecas públicas, casas de cultura, creches, orfanatos, abrigos para pessoas em situação de risco, asilos, hospitais, escolinhas de futebol, instituições de caridade, ONG's, associações de moradores e igrejas que possuem bibliotecas são locais que você pode entrar em contato para uma futura arrecadação ou doação.

Mas eu não moro em Curitiba, onde posso doar livros no Rio de Janeiro ou em São Paulo? Você tem um blog e gosta de escrever? Então pode começar a pesquisar lugares interessantes que aceitam doações de livros, levantar dados como endereços, contatos, telefones, emails, os nomes de coordenadores e responsáveis, e publicar você mesmo(a) em seu blog, ou no Facebook, com o maior número possível de informações sobre os lugares, os leitores que serão beneficiados e os tipos de livros que pretendem arrecadar. Além de estar fazendo um uso inteligente do seu Facebook e blog, também estará instruindo as pessoas à pratica da doação de livros.

Atualização em 01/06/2016

Lançamos o livro 'Ideias para bibliotecas livres - Um manual prático de autogestão independente' onde publicamos capítulos com dicas de extrema utilidade para quem administra espaços de leitura, bibliotecas livres e comunitárias e têm dúvidas em relação ao recebimento de doações de livros didáticos escolares, livros técnicos acadêmicos, apostilas de cursinhos de idiomas e pré-vestibular, revistas semanais, livros jurídicos e grandes coleções de enciclopédias. Também há muitas dicas para quem precisa doar livros de maneira consciente, e colaborar diretamente com o desenvolvimento das bibliotecas sem fazer doações problemáticas.
Em 'Ideias para bibliotecas livres' você vai encontrar orientações para não acumular livros, como selecionar livros antes de doar, como encaminhar livros antigos para doação, sugestões sobre o que fazer com livros danificados. São dicas importantes tanto para pessoas que coordenam bibliotecas quanto para pessoas que querem fazer doação. O livro custa apenas R$22,00 com frete grátis para todo o Brasil. Peça o seu exemplar.


Texto: Daniele Carneiro - Bibliotecas do brasil
contato@bibliotecasdobrasil.com

Leia mais: 

VocÊ pode gostar também

0 comentários

Subscribe