Biblioteca Pública de Nova York coloca 187 mil imagens para download gratuito

27.2.16


Nada como viver me uma época em que as grandes instituições de cultura mundiais podem realmente expor para todos com acesso à internet suas coleções e tesouros culturais. Mas não só expô-los, mas permitir que todos utilizem, criem, mergulhem e partam daquele ponto para dar o próximo passo na criação humana. Dessa vez foi a Biblioteca Pública de Nova York (New York Public Library) que disponibilizou mais de 187 mil imagens para download e utilização gratuitas.


A digitalização e as diversas formas de navegação por esse conteúdo foram desenvolvidas pelo NYPL Labs que é um setor exclusivo para a inovação e desenvolvimento tecnológico da biblioteca. Esse é um dos pontos fundamentais para as bibliotecas acompanharem o desenvolvimento de novas tecnologias, mídias e formas de administrar e compartilhar conhecimento na era da internet e redes sociais. Elas devem abraçar os novos meios de comunicação e ser o ponto de entrada para diversas pessoas que ainda não possuem contato ou não tem o conhecimento necessário para fazer um bom proveito da quantidade enorme de informação disponível.

Harriet Tubman, heroína do movimento abolicionista nos EUA

As bibliotecas sempre foram abertas às novas tecnologias, desde os tempos da Biblioteca de Alexandria, passando pelas bibliotecas dos mosteiros com sua encadernação e tradução até hoje com a digitalização de parte de seu acervo para uma maior durabilidade dos conteúdos e principalmente uma maior acessibilidade.


O arquivo da Biblioteca Pública de Nova York é imenso, portanto os itens digitalizados são os mais diversos: mapas, cardápios, fotos, ilustrações, plantas de prédios, cartões postais, aquarelas, partituras e por aí vai.


É possível navegar pelas coleções escolhidas pela própria NYPL, navegar por um paredão de imagens que mostram todas de uma só vez, ou fazer uma busca por todo o acervo.


As imagens estão disponíveis para download em alta definição e são catalogadas como domínio público, podem ser utilizadas, compartilhadas e utilizadas nos mais diversos projetos, permitindo que a cultura continue viva e seja reapresentada para um novo público nas mais diversas aplicações.


Nós já mostramos outras instituições abraçando a causa de tornar acessíveis seus acervos no formato digital e para download na internet, tanto em domínio público ou sob a licença Creative Commons, que permite diversos tipos de utilizações sem ter que pedir permissão a quem detém os direitos das imagens. Navegue por outros posts com o marcador Creative Commons.

Texto: Juliano Rocha
Via: NY Times e Global Voices
Imagens: NYPL
contato@bibliotecasdobrasil.com

VocÊ pode gostar também

0 comentários

Subscribe